O Segredo de Kells

Quando decidi ver O Segredo de Kells, não sabia bem sobre o que era e o que o era abordado no filme. Na verdade escolhi ver por que o pôster me chamou atenção: achei o desenho diferente e fiquei curiosa.

o segredo de kells

Assisti ao filme no domingo e fiquei maravilhada com a beleza da animação. Depois de ver, fui pesquisar mais sobre ele, até para saciar ainda mais minha curiosidade, que só aumentou.

Em um mosteiro, o mais fantástico dos livros, o livro dos Kells, precisa ser concluído e mostrado ao mundo. Esta misteriosa tarefa é dada a um menino de 12 anos, Brendan. Para completar o lendário livro, ele conta com os ensinamentos do mestre Aidan e com a ajuda de Aisling, uma menina-lobo. Contudo, para isso ele precisa desobedecer seu tio, perder-se na floresta encantada e enfrentar uma serpente diabólica que protege o incrível olho de cristal.

segredo-de-kells
Brendan
o-segredo-de-kells
Aisling

Para quem não sabe, o Livro de Kells existe, sim. Ele é a peça principal do cristianismo irlandês e da arte hiberno-saxônica, e constitui, apesar de não concluído, um dos mais suntuosos manuscritos iluminados que restaram da Idade Média. Em razão da sua beleza e do seu acabamento, é considerado um dos mais importantes vestígios da arte religiosa medieval. O Livro de Kells contém os quatro Evangelhos do Novo Testamento, segundo Mateus, Marcos, Lucas e João.

iluminuras_livro de kells
Ilustrações do Livro de Kells (Iluminuras)

Como eu disse antes, o filme tem um visual lindo, e o estilo dos desenhos enche os olhos. Quando vi as imagens das ilustrações (ou iluminuras) do livro real, vi que a animação tem muitos traços parecidos com os desenhos originais. Não existe uma grande preocupação com profundidade e de dimensões, fazendo de cada personagem único, e com características fisionômicas que revelam características psicológicas. Por exemplo, o Abade, que é mais alto que todos os demais personagens, o que mostra a sua grandeza e até mesmo sua mania de não escutar os outros por ser quem é.

Abade Aidan, no centro, junto dos demais anciões de Kells
Abade, no centro, junto dos demais anciões de Kells

O colorido do filme enche os olhos, além de ser fundamental para deixa-lo tão bonito e sensitivo. Achei sensacional a forma como a magia do livro é retratada, quando Brendan o abre pela primeira vez. Também acho que vale destacar o quão bonita é a cena em que o protagonista vai a floresta pela primeira vez, e também a cena em que os vikings invadem Kells, triste e muito bonita ao mesmo tempo.

secret-of-kells

brendan na floresta kells

Chegada dos vikings a Kells
Chegada dos vikings a Kells

O filme é curtinho, é uma produção independente francesa, belga e irlandesa que concorreu ao Oscar de Melhor Animação, em 2010 – sim, O Segredo de Kells é de 2009! O filme é único e merece destaque por sua estética e por abordar uma tema bem incomum (para animações).

O Segredo de Kells é um filme delicioso, leve e muito bonito. Além disso, ele traz para a luz uma história real, que muitas pessoas desconhecem, de uma forma esplendida. A única ressalva que faço é que, provavelmente os adultos que o assistirem, acharão o filme muito linear, já que não existem momentos de clímax na animação. Fora isso, é uma ótima pedida!

Até a próxima sessão!

Links que contribuíram para esse post: http://www.imdb.com/; http://www.youtube.com/; http://pt.wikipedia.org/wiki/Livro_de_Kells

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s